Arianna Delane, de 4 anos,  foi submetida a uma cirurgia e permanece estável

Arianna Delane, de 4 anos, sobrinha de George Floyd, foi baleada enquanto dormia em uma residência em Houston, nos Estados Unidos.

O tiroteio ocorreu no dia de Ano-Novo, um pouco antes das 3 da manhã, mas só foi noticiado pela imprensa local nesta quarta-feira (5).

A criança foi atingida por uma bala no torso que perfurou suas costelas, informou a KRIV-TV, afiliada da Fox.

A mãe da menina disse ao veículo que a equipe de emergência estava demorando para responder, então ela foi levada ao hospital pelo pai. Arianna foi submetida a uma cirurgia e permanece estável.

Na noite da última terça-feira, o chefe da polícia de Houston, Troy Finner, disse que iniciou uma investigação de assuntos internos sobre a resposta atrasada do serviço de emergência.

Derrick Delane, pai de Arianna, disse à ABC 13 que a filha pulou da cama e contou que tinha sido atingida. “Fiquei chocado até que vi o sangue e percebi que minha filha de 4 anos havia sido realmente baleada”, relembrou. “Ela não sabia o que estava acontecendo. Ela estava dormindo.”

George Floyd foi morto após uma abordagem no centro da cidade de Minneapolis, em 25 de maio de 2020. O então policial Derek Chauvin permaneceu ajoelhado sobre o pescoço e as costas de Floyd, durante quase dez minutos, enquanto o homem dizia, mais de 20 vezes, que não conseguia respirar e pedia ajuda.

A morte de Floyd causou as maiores manifestações em décadas nos EUA. Chauvin foi condenado e sentenciado a 22 anos e seis meses de prisão.

 

Fonte:  R7

Foto: REPRODUÇÃO/TWITTER