Home » Informação » Harry e Meghan adotam um dos 4.000 beagles resgatados de centro de testes em animais nos EUA

Além do novo pet, chamado Mamma Mia, casal da família real britânica tem outros animais em sua mansão na Califórnia

Mamma Mia, uma cadela de 7 anos da raça beagle, tirou a sorte grande. Resgatada junto de outros 4.000 cães da mesma raça de um centro de testagem em animais, foi adotada por Harry e Meghan, da família real britânica.

Agora, o animal vive na mansão do casal na Califórnia, nos Estados Unidos. Harry e Meghan já tinham bichos de estimação, incluindo outro beagle, chamado Guy, um labrador, com o nome de Pula, e também galinhas, que foram resgatadas de um matadouro.
Os milhares de beagles, incluindo Mamma Mia, foram resgatados em julho de um centro de criação e pesquisa, no estado da Virgínia, nos Estados Unidos. Os animais posteriormente seriam vendidos para uso em pesquisas farmacêuticas e biotecnológicas.

Inspeções feitas pelo governo federal americano mostraram que o local continha inúmeras irregularidades e, por esse fato, organizações pró-animais conseguiram resgatar os cachorros.

Veja abaixo a imagem de Mamma Mia, cachorra adotada por Harry e Meghan:

 

Shannon Keith, que lidera a organização The Beagle Freedom Project (projeto de liberdade dos beagles, em tradução livre), disse em entrevista ao Los Angeles Times que Meghan, que tem o título de duquesa de Sussex, ligou para ela, interessada em adotar um cachorro.

Dias depois, Harry e Meghan visitaram o local do projeto e brincaram com alguns filhotes, mas foi Mia, de 7 anos, que conquistou Meghan.

“A duquesa segurou Mia e disse: ‘Nós vamos adotá-la. Não, não queremos um cachorrinho filhote. Queremos ajudar aqueles que são mais velhos’”, contou Keith.

O porta-voz do casal confirmou a informação da visita à fundação, mas não disse se Harry e Meghan realmente adotaram a cachorra.

Ainda segundo a publicação do jornal Los Angeles Times, foi um encontro sem fotos, em que dois seguranças acompanharam o duque e a duquesa na busca por mais um cachorro.

A esposa do príncipe Harry milita pelos direitos dos animais e costuma usar suas redes sociais para incentivar a adoção de animais em vez da compra deles.

 

Fonte: R7 Foto: ANDREW KELLY/REUTERS – 23.09.2021

Eu Quero a Record TV