Home » Informação » Família do primeiro-ministro de Israel recebe duas ameaças de morte em 48 horas

Filho e esposa de Naftali Bennett receberam cartas que foram enviadas junto com uma munição

O filho mais velho do primeiro-ministro de Israel, Yoni Bennett, de 17 anos, recebeu uma carta que continha uma munição nesta quinta-feira (28). A informação foi publicada pelo jornal Haaretz.

Essa é a segunda ameaça à família de Naftali Bennett em menos de 48 horas. Na última terça-feira (26), enviaram para o local de trabalho de sua esposa, Gilat Bennett, um envelope com o cartucho de uma munição.

A polícia e a agência de segurança do país estão investigando os dois casos, que são tratados como ameaças de morte. Até o momento não há informação sobre quem seriam os autores das ameaças.

Após as cartas, o gabinete de segurança decidiu aumentar o esquema de proteção da família do primeiro-ministro israelense.

“É triste ver que pessoas reais escrevem coisas tão horríveis”, escreveu Yoni em sua conta pessoal no Instagram. “Pensar que ele vive e respira como eu, mas tem um cérebro que foi criado pelo diabo, é loucura.”

O chanceler israelense, Yair Lapid, também usou as redes sociais para se manifestar. “A carta ameaçando a vida do primeiro-ministro é um lembrete triste e perigoso de onde a incitação pode levar. Continuaremos lutando contra o discurso de ódio nas ruas, nas redes, em todos os lugares. Eles não vão nos assustar. Os extremistas não derrotarão a maioria sã”, publicou no Twitter.

O governo de Bennett é composto de oito partidos que têm pouco em comum e foi formado depois de quatro eleições sem constituir maioria, o que é um retrato da atual situação política de Israel.

 

Fonte: R7 Foto: MENAHEM KAHANA / AFP

Eu Quero a Record TV