Medida impediria abortos depois de 15 semanas de gestação. Hoje, a prática é autorizada na Flórida até as 24 semanas.

 

Fonte: Revista Oeste, por Gabriel de Arruda Castro

Foto: Agência Brasil